Santo André abre inscrições para cursos de qualificação profissional

Pronatec oferece cinco oportunidades a partir de fevereiro; para participar é só fazer inscrição em um dos Cras da cidade

Costureiro industrial, soldador, auxiliar administrativo, auxiliar de recursos humanos e modelista. Estas são as primeiras cinco opções de cursos profissionalizantes oferecidas neste ano na cidade por meio do Pronatec (Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego), fruto da parceria da Prefeitura de Santo André, por intermédio da Secretaria de Inclusão e Assistência Social, com o MDS (Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome). As inscrições estão abertas em diferentes horários e devem ser feitas nos Cras (Centro de Referência de Assistência Social).

Os cursos disponibilizados pelo Pronatec são uma oportunidade valiosa para capacitação ao mercado de trabalho. As aulas começarão entre os dias 3 e 4 de fevereiro e serão ministradas na Escola Senai A. Jacob Lafer, em média com 160 horas e duração de cerca de 40 dias.

Em Santo André, as instituições parceiras e executadoras, além do Senai (Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial), são Sest/Senat (siglas referentes ao Serviço Social de Transporte e Serviço Nacional de Aprendizagem do Transporte, respectivamente) e Senac (Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial), além do apoio da iniciativa privada, associações e ONGs (Organizações Não Governamentais).  

“Sentimos-nos felizes com a execução do Pronatec em nosso município, investindo em capacitação para melhoria da nossa mão de obra e qualificando tantos profissionais ao mesmo tempo”, comenta a primeira-dama e secretária de Inclusão e Assistência Social, Fátima Grana.
 
Os cinco cursos oferecidos somam aproximadamente 120 vagas. Para breve, está sendo programada uma grade com novos cursos e maior número de vagas, como afirma o coordenador dos programas do Pronatec pela Prefeitura, Paulo Marcos Cardoso de Sá. A descentralização, recurso utilizado para levar as iniciativas mais próximas do público alvo, também continuará. “Atendemos solicitação da população e, como tivemos retorno satisfatório, a descentralização passou a fazer parte de nossas ações”, diz.

PARA PARTICIPAR – Se uma pessoa estiver interessada em se matricular nos cursos oferecidos pelo Pronatec, em Santo André, pode se informar em qualquer um dos Cras (Centro de Referência de Assistência Social) da cidade, de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h.  

Também é necessário ter idade a partir dos 16 anos e estar cadastrado no CadÚnico (Cadastro Único), mesmo que o candidato não seja beneficiário do Programa Bolsa Família ou do Benefício de Prestação Continuada (BPC).

No último ano, cerca de 1.400 pessoas fizeram inscrição para participar dos 13 cursos pactuados. Agente administrativo, recepcionista e operador de empilhadeira tiveram maior procura.

RELAÇÃO DOS CRAS 
São Jorge – Rua São Paulo, 1.116/1.120 – Cidade São Jorge – Telefone 4474-2712
Centro – Rua Xavier de Toledo, 350 – Centro – Telefone 4433-4550
Vila Luzita – Estrada do Pedroso, 236 – Vila Luzita – Telefone 4455-8527
Recreio/ Miami – Rua Macaco Prego, 34 – Recreio Borda do Campo – Telefone 4457-9880
Jardim Alzira Franco – Rua Amapolas, s/nº – Jardim Alzira Franco – Telefone 4474-1928