Programa Diadema Legal faz balanço de atividades

O Programa Diadema Legal que faz parte da Secretaria de Defesa Social divulgou o número de dados até o final do mês de novembro. O programa verifica horário de funcionamento dos bares no município e controla a emissão de sons em bares e similares, além de vias públicas da cidade.

Ao todo, foram feitas 1.230 autuações, que variam entre som alto, venda de bebida alcoólica a menores, falta de alvará e pancadões. No total, 462 estabelecimentos foram vistoriados, 107 bares foram multados por estarem abertos após as 23h e 111 automóveis foram advertidos por estarem com som acima do permitido. 

Diadema Legal – O Programa foi implantado em 2002 e percorre a cidade durante a semana, vistoriando as ações de bares. Visando a melhoria e ampliação dos dados, em 2010 foi instituído o Programa Operação Integrada de Fiscalização, que une a Guarda Civil Municipal, a Polícia Militar e os fiscais da Prefeitura. É realizada aos fins de semana e feriados, pois as ruas e comércio são mais movimentados.


Operação Sossego Público
 – A operação recebe as reclamações da população ligadas à emissão de sons e ruídos por veículos estacionados nas vias públicas. As multas vão desde R$ 270,00 a R$ 2.700,00, dependendo da gravidade da infração.