Prefeitura de Santo André terá ações digitais voltadas à educação de trânsito no Maio Amarelo

Medidas presenciais estão interrompidas neste momento por conta da pandemia do novo coronavírus e serão retomadas no mês de setembro

A Prefeitura de Santo André disponibilizará em seu site e na página oficial do Facebook, campanhas educativas digitais voltadas à educação de trânsito para pedestres, motoristas e ciclistas alusivas ao Maio Amarelo. O objetivo da campanha é colaborar para um trânsito mais seguro para todos e com respeito aos ciclistas e pedestres da cidade. 

Por conta da pandemia do novo coronavírus, as ações presencias estão suspensas e serão retomadas no mês de setembro por orientação do programa Respeito à Vida, do Governo do Estado. As ações presenciais vão desde a realização de blitzes educativas, como esquetes de teatros e distribuição de material gráfico. Neste mês, portanto, o foco será nas ações digitais com campanhas publicitárias que vão atingir todos os públicos.

De acordo com os dados disponibilizados pelo Infosiga, do Governo do Estado, de janeiro a março deste ano foram registradas sete mortes no trânsito da cidade. Em 2019 foram oito mortes neste mesmo período, uma queda de 12,5%. Se compararmos os três primeiros meses de 2017 (11 mortes) com os primeiros três meses deste ano (sete óbitos) temos uma queda ainda maior, de 36%. As diversas campanhas educativas realizadas na cidade visam conscientizar, educar e aumentar a segurança viária e contribuem efetivamente na queda desses índices.

Além destas campanhas, a Prefeitura adotou outras medidas para reduzir o número de mortes no trânsito, como as intervenções do Plano de Ação Imediata de Trânsito (PAIT), que contempla pacote de microintervenções de baixo custo e realiza alterações no sentido de vias, abertura de acessos, repintura de sinalização horizontal, reforma e implementação de semáforos e recolocação de sinalização vertical. O fim da indústria da multa, com a retirada dos radares móveis, também é outra medida adotada desde 2017, onde o município trocou autuações por mais educação de trânsito.