Mortes por acidentes de trânsito disparam 18,5% no ABC

Dados do sistema Infosiga SP, divulgados nesta quarta-feira (20), pelo Governo do Estado, mostram que no primeiro semestre deste ano, o ABC apresentou alta de 18,5% no número de mortes por acidentes de trânsito no primeiro semestre, se comparado ao mesmo período do ano passado.

Foram pelo menos 109 mortes entre as sete cidades, 17 ocorrências a mais do que o registrado em 2021, sendo abril o mês com maior número de vítimas fatais: 22 óbitos registrados em decorrência de acidentes no trânsito.

De janeiro a junho, São Bernardo foi o município que apresentou maior número de vítimas fatais no trânsito (10), seguido por Diadema (8) e Santo André (7). Já São Caetano e Ribeirão Pires apresentaram queda de 50% nos índices (de oito para quatro e 10 para cinco mortes, respectivamente). E até o momento, não houve nenhum registro de óbito em Rio Grande da Serra.

Perfil das vítimas

Das 109 mortes registradas neste ano, 82,1% eram homens e 17,7% mulheres, sendo que do total, 50,4% morreram no local do acidente e outros 45,2% quando chegaram ao hospital. Já em relação aos óbitos de pedestres, o Infosiga mostra que as vítimas são 34,3% do total, sendo que o maior número de vítimas são os condutores de veículos (50,7%). A maioria tinha entre 18-24 anos.

Fonte: Reporter Diario