Dermocosméticos promovem um tratamento para a pele de dentro para fora

 Cada vez mais populares, os dermocosméticos são a melhor opção para quem quer um aspecto mais saudável para a pele sem apenas esconder as imperfeições, mas sim as tratando de forma efetiva para que desapareçam e não apenas fiquem, momentaneamente, invisíveis.

Com classificação 2 pela Anvisa, esse tipo de produto tem sua eficácia cientificamente comprovada, tratando profundamente a pele, em suas camadas internas, com a segurança dos estudos realizados por especialistas.

Diferente das medicações, como os antibióticos ou corticoides que podem ser indicados para o tratamento da acne, por exemplo, os dermocosméticos, ou cosmocêuticos, podem ser adquiridos sem a necessidade de uma receita médica. Mesmo assim, a recomendação dos especialistas é a de que um dermatologista acompanhe o seu tratamento, indicando as melhores substâncias e produtos para que você chegue ao resultado esperado.

A principal diferença entre os dermocosméticos e os cosméticos comuns é que o primeiro age nas camadas que estão abaixo da própria pele, a modificando fisiologicamente. Já os cosméticos alteram superficialmente o aspecto da pele, sem atuar como um tratamento. Por possuir ativos com maior capacidade de penetração, os dermocosméticos são indicados para o tratamento de manchas, cicatrizes provenientes da acne, olheiras, rugas, estrias, celulites, dentre vários outros problemas que a pele pode apresentar e incomodam esteticamente.

Nos dermocosméticos não existe a presença de substâncias desnecessárias para a sua ação no corpo, como conservantes ou perfumes, o que torna suas fórmulas hipoalérgicas, diferente dos cosméticos, que normalmente apresentam esses componentes e podem causar algum tipo de reação alérgica, dependendo do organismo.

Por agir de dentro para fora, os resultados dos dermocosméticos podem demorar mais tempo para aparecer, mas possuem uma maior durabilidade do que os resultados apresentados por produtos que apenas amenizam as imperfeições que surgem na superfície da pele.