Coleta seletiva porta a porta arrecada mais de 350 mil quilos de recicláveis

Implantado em junho no Rudge Ramos e em setembro nos bairros Jordanópolis e Paulicéia, a coleta seletiva porta a porta tem mobilizado a população na separação de resíduos recicláveis. Em apenas cinco meses e meio, São Bernardo coletou 353.280 quilos de materiais que podem ser aproveitados e que são enviados para centrais de triagem.

No início do projeto, a cidade reciclava apenas 0,9% do lixo coletado. Na segunda quinzena de novembro, o índice saltou para 1,6%. A meta é chegar a 10% até 2017.

A população tem participado cada vez maior. Em junho, a coleta seletiva no Rudge Ramos arrecadou 28 mil quilos, número que chegou a 63 toneladas em outubro. 

A coleta seletiva porta a porta é feita no Rudge Ramos as segundas, quartas e sextas, na Paulicéia as terças e sábados e no Jordanópolis as quintas. Os resíduos também podem ser descartados nos mais de 200 pontos de entrega voluntária (PEVs) da cidade.