Smartphones: o perigo da distração ao ver as mensagens recebidas

Tem ficado cada vez mais difícil passar um dia inteiro desconectado da internet, sem acessar as redes sociais, verificar e-mails ou enviar mensagens instantâneas. Porém, dar aquela olhadinha, às vezes, no celular, pode gerar distrações que comprometem a atenção do cérebro em atividades rotineiras no trabalho ou até mesmo dirigindo um veículo.

 Pesquisadores do Laboratório de Integração Humana-Computador da Universidade Carnegie Mellon em Pittsburgh, na Pensilvânia (EUA), mediram o poder cerebral perdido quando alguém é interrompido por um telefonema ou por um e-mail, relataram no ” NYTimes” os autores Bob Sullivan e Hugh Thompson. Quando os sujeitos eram informados de que deviam esperar uma distração e eram interrompidos durante um teste, se saíam muito pior que os sujeitos que eram deixados à vontade.

 O grupo distraído/interrompido respondeu corretamente em 20% menos ocasiões que o grupo não interrompido. “Existem evidências de que as mensagens de texto, na verdade, nos roubam energia cerebral”.

 Experimentos mostraram que as pessoas deixam de notar coisas tão óbvias quanto alguém vestido de gorila quando sua atenção é distraída. “Pesquisadores usando dispositivos de rastreamento de olhos descobriram que as pessoas podem não ver a roupa de gorila mesmo quando olham diretamente para ela”, disseram Simon e Chabris. “Esse fenômeno de ‘cegueira desatencional’ mostra que o que vemos depende não apenas de para onde olhamos, mas também de como focalizamos a atenção.

” O déficit de atenção gerado por olhar as mensagens recebidas é notado quando a pessoa volta a atividade, da qual desempenhava antes, e percebe que demora alguns instantes até voltar a concentração pro que estava fazendo.