Saiba os prós e os contras de cada posição para dormir

Tanto o corpo quanto a mente necessitam de uma boa noite de sono, revigorante o suficiente para eliminar o cansaço de um dia e obter energia para o próximo. Além disso, o sono é fundamental para a manutenção da saúde. Algumas funções importantes em nosso organismo só se realizam enquanto o corpo descansa, como, por exemplo, a produção de alguns hormônios.

Além de características comuns para uma noite de sono profunda e de qualidade, como um ambiente calmo e um modelo de colchão adequado, cada indivíduo tem suas preferências quanto a melhor posição para dormir. Afinal, nem todas as pessoas se sentem confortáveis e relaxadas deitadas da mesma forma.

Veja os aspectos positivos e negativos das posições em que as pessoas costumar dormir.

 

Posição: de lado

Esta é considerada a melhor posição para o corpo durante o sono. Ao deitar-se de lado, toda a estrutura da coluna, assim como a curvatura natural do corpo, fica alinhada e relaxada.

No entanto, existem boas práticas que tornam esse processo ainda mais benéfico, como um travesseiro de altura ideal, que mantém o pescoço reto, sem forçá-lo a se dobrar acima ou abaixo do nível da coluna. Utilizar outro travesseiro entre as pernas também ajuda a manter a coluna reta, o que colabora com o relaxamento muscular e melhora a circulação sanguínea.

Posição: barriga para cima

Dormir de barriga para cima é uma posição favorável para relaxar e evitar que o rosto seja pressionado no travesseiro, favorecendo o uso de cremes de tratamento e pomadas na região da face.

No entanto, não é uma das posições mais favoráveis para quem sofre de problemas respiratórios, como apneia noturna e roncos. Além disso, para que a região superior da coluna e ombros fiquem, de fato, nivelados, é primordial contar com um colchão que se adeque às curvas do corpo e um travesseiro com densidade e altura ideais.

 

Posição: de bruços

De acordo com os especialistas, é a posição menos favorável para o corpo durante o sono. Isso porque dormir com a barriga para baixo acaba forçando as curvaturas do corpo a ficarem retas, causando pressão na musculatura e articulações, principalmente do pescoço.

Mesmo gerando conforto para algumas pessoas, o hábito de dormir de bruços prejudica a respiração, pois o pescoço permanece contorcido, e isso também propicia outros problemas, como dores nas costas, na região cervical, nos ombros, ou mesmo bursite.

 

Tire suas dúvidas com um ortopedista

Vale a pena consultar um especialista para receber orientações individualizadas. O ortopedista é o profissional da área da saúde que irá avaliar suas condições físicas e recomendar não só o travesseiro e colchão ideais para seu biótico, como também ajudar com instruções úteis para sua rotina de sono, como a posição mais aconselhável para dormir uma noite relaxante e tranquila.