PROJETO PODE PROIBIR DUPLA FUNÇÃO DE MOTORISTA

Câmara de Sto.André aprovou indicação que pede ao Executivo que envie propositura à Câmara 

A Câmara de Santo André aprovou nesta semana propositura do vereador Toninho de Jesus (DEM) que pede ao prefeito Carlos Grana (PT) que envie à Câmara projeto que proíbe os motoristas de ônibus de acumular a função de cobrador. A mesma iniciativa foi aprovada recentemente em Diadema, de autoria do vereador José Dourado (PSDB).

“Cerca de 600 motoristas têm dupla função e isso causa um risco”, disse Toninho, que encaminhou minuta de projeto ao prefeito.  A indicação do democrata gerou polêmica na Câmara, porque, em 2009, o vereador José Montoro Filho, o Montorinho (PT), apresentou projeto de número 75/2009, que foi arquivado após ser considerado inconstitucional sob o argumento de vício de iniciativa.  “O vereador Toninho de Jesus é um oportunista, porque copiou meu projeto.”

Montorinho afirmou que há dois anos encaminhou projeto para o deputado federal Vicente Paulo da Silva, o Vicentinho (PT), que integra a Comissão de Viação e Transportes da Câmara Federal. “A medida vem sendo discutida para que haja uma proibição em todo País”, afirmou o petista. Vicentinho não foi localizado e o Sindicato dos Rodoviários do ABC foi procurado, mas não retornou.