Onze escolas municipais de Santo André têm casos de covid-19

A Prefeitura de Santo André liberou o retorno das aulas presenciais na rede municipal de ensino. Apesar disso, pais e responsáveis de alunos matriculados em Emeiefs (Escola Municipal de Educação Infantil e Ensino Fundamental) estão amedrontados com a retomada das aulas, uma vez que pelo menos 11 escolas municipais da cidade registraram casos de covid-19 entre professores, profissionais da educação, pais e alunos.

Um boletim elaborado pelo Sindserv (Sindicato dos Servidores Públicos Municipais) Santo André aponta que as Emeiefs: Chico Mendes, Homero Thon, Sylvia Orthof, Cidade Takasaki, Carolina Maria de Jesus, Mariângela Ferreira, Augusto Boal, Dom Jorge Marcos e Janusz Korczak registraram casos positivos para a doença. Apesar disso, de acordo com o sindicato, todas as unidades escolares seguem com funcionamento normal, com exceção da Emeief Mariângela Ferreira.

Uma professora credenciada a uma das Emeiefs, que preferiu não se identificar, critica a falta de fiscalização por parte do poder público, e pede maior monitoramento sobre a questão. “A Secretaria de Educação mantém o funcionamento normal das escolas, mesmo sem monitoramento e com casos e suspeitas de covid-19 na maioria delas. Não podemos continuar com portas abertas assim, senão nos tornaremos proliferadores da doença”, critica.

De acordo com a professora, neste primeiro momento quem mais sofre com a volta às aulas são os profissionais da educação, que precisam frequentar as escolas. “Precisamos ir até a escola para recolher material dos alunos, participar de reuniões pedagógicas e não temos como evitar. Agora como ficamos se pegarmos a covid?”, questiona.

Em nota, a Prefeitura de Santo André esclarece que tem monitorado todas as notificações sobre a covid-19 na rede municipal. “Informamos ainda que nem alunos, nem profissionais de educação, são obrigados a comparecer às escolas, especialmente nas unidades escolares em há qualquer tipo de suspeita de casos de Covid-19”, diz.

Dentre as escolas, a administração informa que as Emeiefs Silvia Orthof, Professora Mariângela Ferreira Aranda Fuzetto, Augusto Boal e Dom Jorge Marcos de Oliveira, suspenderam o atendimento presencial momentaneamente. A Emeief Chico Mendes permanece sem aulas presencias por motivo de reformas, porém, os funcionários contaminados com o coronavírus foram afastados, e a Emeief Homero Thon suspendeu as aulas presencias somente de uma turma.

Leia a materia completa em :
https://www.reporterdiario.com.br/noticia/2970559/onze-escolas-municipais-de-santo-andre-tem-casos-de-covid-19/?fbclid=IwAR0REe9INoA2sJTR4aQMpxJ3zpgRzjowpgdFbFQ3d9CB0g-iHgI41UIGUpE