Explosão atinge prédio comercial no Centro de São Bernardo

Pelo menos três lajes desabaram, de acordo com os bombeiros; há feridos


Uma explosão ocorrida por volta de 19h30 desta segunda-feira (06/02) causou o desabamento de pelo menos três lajes de edifício comercial localizado na avenida Índico, 30, Centro de São Bernardo. De acordo com informações dos bombeiros, seis pessoas foram retiradas, das quais uma foi levada ao PS (Pronto-Socorro) Central. Pode haver uma vítima fatal. Uma enfermeira e uma criança de três anos estão presas no prédio, no 6º andar.

Dezenove viaturas do Corpo de Bombeiros atendem a ocorrência. Defesa Civil e Eletropaulo também foram acionadas. As vias próximas foram interditadas. Os bombeiros informaram que, no prédio de 10 andares, pelo menos três lajes desabaram. A suspeita inicial para a causa da explosão indica vazamento de gás. Não há fogo, mas há risco de desmoronamento.

“Nosso objetivo é saber quantas pessoas há no prédio”, afirmou o tenente-coronel José Belantoni, do 6º Batalhão da Polícia Militar, em entrevista concedida às 21h30.

Outra possibilidade, levantada por policiais militares, é que a caixa d’água do prédio despencou, afetando as lajes. A região próxima à avenida Índico, inclusive o Paço Municipal, está sem iluminação.

“Escutei um barulho muito grande que parecia explosão. O prédio estremeceu e vi muita poeira e papel voando. Fiquei pedindo socorro e ouvindo muitos gritos”, disse Fábio Piva, 52 anos, que tem escritório de perícia trabalhista no 4º andar. Piva levou uma hora e meia para ser resgatado.

A estudante de enfermagem Jéssica Letícia estava em prédio ao lado do atingido. “Ouvimos o barulho, as luzes piscaram, descemos deixando tudo para trás nas salas de aula. Levei um susto muito grande”, afirmou, ainda nervosa e bastante emocionada.

No térreo do prédio funciona uma lanchonete, e os demais andares são ocupados por escritórios e consultórios médicos.