Mulher

17/04/2015 09:36

“Ser” secretária - Um talento natural da mulher

O dia da secretária tem como objetivo prestar uma homenagem as secretárias no sentido do reconhecimento da importância desta “profissão” e do valor da secretária para as organizações em geral e para o “bom andamento dos negócios”. Assim, muitas empresas fazem deste dia um dia especial e oferecem cursos, palestras que tragam a valorização pessoal e profissional das secretárias bem como atividades de lazer e diversão para que este dia seja verdadeiramente um dia especial.

Esta função de secretária, contudo, é muito antiga e sempre existiu de formas diferentes continuando a se transformar através dos tempos, sendo uma função por excelência feminina. Ela começa a ganhar maior atenção e reconhecimento a partir da era do industrialismo, os homens e algumas mulheres de negócios se viram na necessidade de pessoas que pudessem resolver para eles todos os assuntos e situações aos quais eles não detinham tempo nem talento para resolverem.  

A invenção da máquina de escrever contribuiu de forma positiva para a função de secretária ser reconhecida como uma profissão e receber todos os créditos merecidos, bem como as secretárias, que, com o tempo passaram a ser uma categoria empregatícia com organização e regulamentação. Assim, a evolução natural da sociedade e do sistema econômico mundial impulsionou esta profissão que merece hoje um dia especial.

Porém, é necessário que se compreenda o que se encontra além das aparências, ou seja, o que significa “ser” uma secretária e o porquê desta profissão se manter até os dias de hoje, predominantemente, como uma profissão feminina. Para isto, devemos compreender um pouco sobre os talentos femininos e o quanto estes são naturais nas mulheres, mesmo que não haja uma consciência clara a respeito deles por parte das próprias mulheres. Desta forma, entendo que antes da secretária vem o “ser”, a mulher que não é somente uma secretária, é um universo em si mesma. Mas que universo é este? Que talentos naturais são estes?

Compreendo este universo como sendo a “natureza” da natureza feminina, pois o feminino é natural, pois a natureza é mãe, sendo assim é feminina. Portanto, todos os talentos e as competências existentes na natureza-mãe também são os talentos e as competências do “ser” mulher, pois, a mulher como filha desta origem revela em si a identidade materna.

Na natureza tudo flui de forma naturalmente organizada, pois o sol tem sua hora certa de nascer e de se por, assim como a lua; a chuva sabe seu tempo de chover; os pássaros de cantar as flores de desabrochar. A natureza é também profundamente unida, pois tudo nela é em elo e ela necessita desta união para existir; é uma grande comunicadora, pois tudo na natureza é comunicação contínua onde as partes se comunicam entre si e com o todo e vice-versa; é uma sábia administradora de todos os acontecimentos, pois a natureza é guardiã da hora certa, por isto não se atrasa nem se adianta está sempre cumprindo sua agenda no momento certo; a natureza é profundamente focada pois sabe o que quer e o que tem a fazer.

Isto são apenas alguns exemplos dos talentos da natureza que podemos transferir para as mulheres e para as secretárias que a partir desta visão exercem uma parte do trabalho da natureza através de suas amplas funções de comunicação, administração e agendamento do tempo e do espaço. Assim como a natureza que é uma grande mãe no sentido de cuidar, nutrir, sustentar e ser guardiã de toda a existência, a mulher em geral traz consigo de forma natural a capacidade e a tendência de cuidar, sustentar, nutrir e ser guardiã de suas ações, de filhos, de família, de amigos e de seu próprio trabalho.

Como secretária cuida de todas as suas funções, nutrindo as ações e gerenciando o tempo em que elas deverão ocorrer. É ainda uma guardiã, pois observa cada parte e seu todo para poder saber qual é a melhor hora de cada coisa acontecer. Cuida de tudo com atenção, sem se esquecer do essencial, pois sua visão está sempre além das aparências. Esta ordem e organização natural é o que contribui para o bom andamento dos negócios. Continuando a pensar assim, posso dizer que a mulher já traz consigo a capacidade de ser secretária na vida do dia-a-dia, por isto esta profissão ainda é feminina.

Penso que a mulher é muito tendente a ser fiel ao seu trabalho, organizada, detalhista, atenciosa, capacitada, generosa, nutridora, harmoniosa, focada e, por isto, sem dúvida nenhuma é secretária de forma natural.

Lembre-se de que “ser” secretária é “ser” e não apenas ter um cargo de secretária e, para isto, é necessário que cada mulher secretária reconheça os talentos naturais, pois a natureza é a maior escola de graduação e pós-graduação em secretariado. Feliz dia da secretária.

 

Ramy Arany assistente social, terapeuta comportamental, escritora, coach, consultora, palestrante, autodidata, pesquisadora e desenvolvedora da consciência Especialista na Liderança feminina, no comportamento, em relacionamentos e maternidade. Escritora dos livros Eternamente Ísis – O retorno do feminino ao Sagrado e Visão Gestadora – A visão em teia. Co-fundadora do Instituto KVT e fundadora do KVT Feminino e Sócia Diretora da Inove Soluções em Liderança.

Face: www.facebook.com/kvtfeminino / Site: www.kvtfeminino.com


RECEBAINFORMATIVOS

Receba novidades sobre vagas de emprego e notícias do site em seu e-mail

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita.
Copyright 2010-2017 INFORMA ABC © Todos os direitos reservados.

Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo