Empregos

05/12/2018 04:07

10 DICAS ESSENCIAIS PARA CONSEGUIR UM BOM EMPREGO

Conseguir um emprego nos dias atuais depende de estratégia e empenho. Quer conhecer 10 dicas essenciais para você atingir o alvo e ter sucesso em sua busca? Então, acompanhe.

Tenha em mente que cada passo dado em busca do emprego desejado deve ser pensado, ponderado e planejado. Alguns erros muito comuns acabam tirando o foco de boas vagas. E evitar equívocos é uma parte muito importante da jornada.

Um bom currículo, atualização constante, networking, foco e preparação são ferramentas e ações essenciais, dentre outras, que vamos detalhar a seguir.

1. TENHA UM CURRÍCULO ATUALIZADO

Dedique um bom tempo para elaborar ou atualizar seu currículo. Para ele ser competitivo, existem algumas características que chamam a atenção dos recrutadores.

Algumas dicas para estruturar um bom currículo são: inclua sua formação, os novos cursos que fez, os trabalhos pelos quais passou e algumas atividades com as quais você tenha se destacado no último emprego.

Currículos longos, com várias páginas e detalhes demais sobre suas experiências profissionais não agregam valor à sua candidatura e, em muitos casos, diminuem suas chances, assim como aqueles que contêm erros ortográficos.

Enviar currículos antigos e desatualizados para as empresas é um erro muito comum, que fatalmente vai diminuir suas chances de ser chamado para uma entrevista.

2. INVISTA NA SUA FORMAÇÃO

Se ter um currículo atualizado é essencial, desenvolver as suas competências, habilidades e adquirir novos conhecimentos são fatores-chave!

Um curso superior em uma faculdade é muito importante para construir uma boa carreira, aumentando consideravelmente suas chances de contratação.

De acordo com dados da Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE), trabalhadores com nível superior no Brasil ganham mais do que o dobro do que aqueles com apenas o ensino médio completo.

Nos dias de hoje, falta de tempo e de dinheiro, necessidade de cuidar dos filhos ou dificuldades de deslocamento deixaram de ser desculpas para não ingressar em uma faculdade.

Você pode escolher um bom curso superior presencial ou online. Basta observar as características de cada modalidade para saber qual se enquadra melhor nas suas necessidades.

Não se esqueça: muitos dos seus concorrentes já têm curso universitário. Para se destacar, suba alguns degraus na escada da sua formação. Quanto mais conhecimento, melhor, principalmente para conquistar uma recolocação profissional.

3. FOQUE SUAS COMPETÊNCIAS

Acredite: os recrutadores querem pessoas com as competências necessárias para assumir os cargos disponíveis. Não adianta enviar currículos para áreas alheias às suas habilidades.

No momento de se apresentar, o candidato deverá oferecer argumentos que demonstrem que contratá-lo é uma excelente ideia.

Verifique se você tem aderência à vaga antes de se candidatar. Com certeza, você tem habilidades que merecem ser exaltadas. Foque nelas e busque o emprego certo, onde suas competências serão testadas e comprovadas.

4. CADASTRE SEU CURRÍCULO EM SITES

Hoje em dia, existe uma grande quantidade de sites especializados em intermediação de mão de obra. Muitos deles são de gigantes do ramo de recursos humanos, mobilizando milhares de buscas diariamente.

Mesmo que não haja no momento uma vaga com as características que você procura, mantenha seu currículo na base de dados desses sites.

Dessa forma, você amplia suas chances de ser chamado para uma entrevista.

5. ENVIE CURRÍCULOS PARA AS EMPRESAS

Cadastre-se também nos sites das empresas nas quais quer trabalhar.

Em muitos casos, as companhias possuem uma área de cadastramento de candidatos. Aproveite isso como uma via de contato importante.

Quem sabe a empresa dos sonhos não está procurando justamente um currículo como o seu?

6. ATIVE SEU NETWORKING

Muitas vezes, conseguir um bom emprego depende de indicação.

Não se esqueça de mobilizar sua rede online e offline (fora da internet). Talvez aquele seu amigo conheça alguém que precise das habilidades e competências que você possui. Mas ele só poderá indicá-lo para a vaga se souber que você está em busca de emprego.

Participe de comunidades profissionais, fóruns, grupos em redes sociais. Com frequência, esses espaços são locais de veiculação de propagandas de vagas. Fique atento, participe e interaja.

7. INVISTA EM REFERÊNCIAS

Invista em suas referências enquanto estiver procurando emprego, e cultive-as depois de conseguir sua colocação no mercado.

Não se esqueça que os contratantes provavelmente buscarão por informações sobre você com seus ex-chefes, antigos colegas, clientes e até subordinados.

Obtenha boas recomendações, e deixe-as visíveis, como no LinkedIn, compartilhando-as sempre que possível.

Em muitos casos, obter uma boa referência de um ex-chefe é o diferencial que pode desempatar a seu favor, frente a outros candidatos igualmente qualificados para a vaga.

8. PREPARE-SE PARA A ENTREVISTA

Depois de enviar currículos, mobilizar sua rede de relacionamentos e conseguir boas referências, você pode finalmente ter a chance de passar para a entrevista. E você deve estar preparado!

É essencial fazer uma boa pesquisa sobre a empresa antes do encontro com os recrutadores.

Não transpareça interesse apenas pelo cargo. É ponto a seu favor quando você demonstra conhecimento acerca dos ramos de atuação, mercado, concorrência e posicionamento comercial da companhia contratante.

E prepare-se para perguntas difíceis sobre seus pontos fracos ou a razão de ter saído do último emprego. Respostas a essas questões podem e devem ser treinadas antes da entrevista.

9. SEJA VOCÊ MESMO

Em uma entrevista, seja você mesmo, não monte um personagem na hora da contratação. E, claro, sempre mantenha o bom comportamento diante dos entrevistadores.

E não se esqueça: a primeira impressão é a que fica. Vista-se coerentemente com o cargo pretendido, não use gírias, nem seja informal demais. Tudo deve estar devidamente equilibrado com a cultura da empresa.

É de bom tom você enviar uma mensagem de agradecimento após a entrevista. Poucas pessoas fazem isso e pode ser a "cereja no bolo" para causar uma excelente impressão.

Também agradeça a todas as pessoas que, de alguma forma, propiciaram a entrevista. Aproveite para estreitar relacionamentos, destacando-se na multidão.

10. SEJA FLEXÍVEL

Em muitos casos, mesmo o salário sendo menor do que o pretendido, um cargo pode oferecer benefícios e vantagens que devem ser observados na hora de aceitar ou não o emprego.

Pondere se há plano de carreira na empresa e quais as chances para o seu crescimento profissional e pessoal. Planos de saúde, vales e horas extras versus banco de horas são elementos a serem verificados.

 

 

RECEBAINFORMATIVOS

Receba novidades sobre vagas de emprego e notícias do site em seu e-mail

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita.
Copyright 2010-2017 INFORMA ABC © Todos os direitos reservados.

Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo